Livro A expedição do acadêmico G. I. langsdorff ao brasil - G. g. manizer

2 Disponível em estoque

formato 14 x 21 cm . brochura. livro usado em bom estado de conservação com as páginas amareladas devido ação do tempo leves desgastes nas bordas; páginas limpas miolo firme... O livro do cientista russo G. G. Manizer (1889-1917) constitui um trabalho de compilação dos registros e materiais arquivados em seu país, provenientes da viagem ao Brasil empreendida pelo Barão Langsdorff (1774-1852), sob encomenda do czar Alexandre I. Langsdorff, naturalista, membro da Academia de Ciências de São Petersburgo, foi encarregado de negócios e cônsul da Rússia no reinado de D. Pedro I. O texto reproduz parcialmente o relato do desenhista da expedição, Hércules Florence, anteriormente publicado, e acompanha o percurso pelos territórios de São Paulo, Mato Grosso e Pará. Johann Moritz Rugendas e Adrien Taunay foram os outros artistas que retrataram a viagem. O editor (redator, segundo a tradição russa) B. G. Xprintsin acrescentou em 1948 importantes notas e incluiu a bibliografia de Langsdorff e a catalogação tanto das peças trazidas do Brasil como das ilustrações incluídas na obra... e1 g5 piso 5

ISBN: 11967244


Código de Barras: 24419671


Origem: Nacional


Idioma: Português


Categoria: Livros


Autor:G. g. manizer


Título: A expedição do acadêmico G. I. langsdorff ao brasil


Editora:Companhia Editora Nacional


Ano: 1967


Assunto:Historia do brasil


Páginas: 244


Peso: 474 gramas


Conservação: Produto Usado



Descrição

formato 14 x 21 cm . brochura. livro usado em bom estado de conservação com as páginas amareladas devido ação do tempo leves desgastes nas bordas; páginas limpas miolo firme... O livro do cientista russo G. G. Manizer (1889-1917) constitui um trabalho de compilação dos registros e materiais arquivados em seu país, provenientes da viagem ao Brasil empreendida pelo Barão Langsdorff (1774-1852), sob encomenda do czar Alexandre I. Langsdorff, naturalista, membro da Academia de Ciências de São Petersburgo, foi encarregado de negócios e cônsul da Rússia no reinado de D. Pedro I. O texto reproduz parcialmente o relato do desenhista da expedição, Hércules Florence, anteriormente publicado, e acompanha o percurso pelos territórios de São Paulo, Mato Grosso e Pará. Johann Moritz Rugendas e Adrien Taunay foram os outros artistas que retrataram a viagem. O editor (redator, segundo a tradição russa) B. G. Xprintsin acrescentou em 1948 importantes notas e incluiu a bibliografia de Langsdorff e a catalogação tanto das peças trazidas do Brasil como das ilustrações incluídas na obra... e1 g5 piso 5