Livro Memórias Póstumas de Brás Cubas - Dom Casmurro - Machado de Assis

5 Disponível em estoque

formato 14 x 21 cm . brochura. livro usado em bom estado de conservação com as páginas amareladas devido ação do tempo leves desgastes nas bordas... Em 1881, Machado de Assis lançou aquele que seria um divisde águas não só em sua obra, mas na literatura brasileira: Memórias póstumas de Brás Cubas. Ao mesmo tempo em que marca a fase mais madura do autor, o livro é considerado a transição do romantismo para o realismo. Num primeiro momento, a prosa fragmentária e livre de Memórias póstumas, misturando elegância e abuso, refinamento e humnegro, causou estranheza, inclusive entre a crítica. Com o tempo, no entanto, o defunto autque dedica sua obra ao verme que primeiro roeu as frias carnes de seu cadáver tornou-se um dos personagens mais populares da nossa literatura. Sua história, uma celebração do nada que foi sua vida, foi transformada em filmes, peças e HQs, e teve incontáveis edições no Brasil e no mundo, conquistando admiradores que vão de Susan Sontag a Woody Allen. Já Dom Casmurro conta a história de Bentinho e Capitu, desde o namoro infantil até o casamento atormentado pelo ciúme e pela dúvida - Capitu traiu o marido com o melhamigo dele, Escobar? Os fatos são narrados pBentinho, que relembra, já velho, episódios de sua vida.

ISBN: 19711346


Código de Barras: 35611971


Origem: Nacional


Idioma: Português


Categoria: Livros


Autor: Machado de Assis


Título: Memórias Póstumas de Brás Cubas - Dom Casmurro


Editora: Abril


Edição: 1ª Edição


Ano: 1971


Assunto: Fuvest


Páginas: 346


Peso: 900 gramas


Conservação: Produto Usado



Descrição

formato 14 x 21 cm . brochura. livro usado em bom estado de conservação com as páginas amareladas devido ação do tempo leves desgastes nas bordas... Em 1881, Machado de Assis lançou aquele que seria um divisde águas não só em sua obra, mas na literatura brasileira: Memórias póstumas de Brás Cubas. Ao mesmo tempo em que marca a fase mais madura do autor, o livro é considerado a transição do romantismo para o realismo. Num primeiro momento, a prosa fragmentária e livre de Memórias póstumas, misturando elegância e abuso, refinamento e humnegro, causou estranheza, inclusive entre a crítica. Com o tempo, no entanto, o defunto autque dedica sua obra ao verme que primeiro roeu as frias carnes de seu cadáver tornou-se um dos personagens mais populares da nossa literatura. Sua história, uma celebração do nada que foi sua vida, foi transformada em filmes, peças e HQs, e teve incontáveis edições no Brasil e no mundo, conquistando admiradores que vão de Susan Sontag a Woody Allen. Já Dom Casmurro conta a história de Bentinho e Capitu, desde o namoro infantil até o casamento atormentado pelo ciúme e pela dúvida - Capitu traiu o marido com o melhamigo dele, Escobar? Os fatos são narrados pBentinho, que relembra, já velho, episódios de sua vida.