Livro O Esplendor dos Contr√°rios - Aventuras da cor caminhando sobre as √°guas do rio Amazonas. The splendor of opposites - Arthur Omar

O Esplendor dos Contr√°rios - Aventuras da cor caminhando sobre as √°guas do rio Amazonas. The splendor of opposites

Neste trabalho sobre a Amaz√īnia e o homem amaz√īnico, Arthur Omar procura extrair o sentidos escondidos sob a apar√™ncia das imagens fotogr√°ficas. Em ‚ÄúO Esplendor dos Contr√°rios‚ÄĚ, Omar transforma as cores e espelha as imagens, nos mostrando a Amaz√īnia como um lugar m√≠tico e magn√©tico, transformada pelos opostos. ‚ÄúNada pode parar o fluxo de imagens, palavras, sons e ideias contidos numa obra de Arthur Omar‚ÄĚ ‚ÄĒ Paulo Herkenhoff Arthur Omar inicia sua trajet√≥ria art√≠stica na d√©cada de 1970, atuando como diretor de cinema. Posteriormente, trabalha tamb√©m com v√≠deo, fotografia e escreve ensaios est√©ticos e po√©ticos. Na s√©rie de fotografias intitulada Antropologia da Face Gloriosa (1973-1998), realizada em preto e branco, registra pessoas an√īnimas, participantes do carnaval no Rio de Janeiro, procurando captar as express√Ķes de desvario, alegria ou tristeza em seus rostos. A partir dessas fotos, interfere na revela√ß√£o, acrescentando cores ou trilhas luminosas, como na s√©rie A Pele Mec√Ęnica (2003), em que explora ainda a serialidade da Arte Pop. Artista de extirpe davinciana, que filma, fotografa, desenha e comp√Ķe m√ļsica praticamente sozinho, Arthur Omar resiste bravamente √†s tentativas de categorizar o seu lugar na cultura brasileira. Rejeita veementemente r√≥tulos como 'cineasta experimental' ou 'artista multim√≠dia', preferindo a classifica√ß√£o de artista amador. O que nele n√£o significa uma atitude de mod√©stia. Carlos Alberto Mattos - Caderno 2 do Estado de S√£o Paulo de 5/11/97. Na polimorfia da produ√ß√£o de Arthur Omar, destaca-se ainda a literatura, campo a que se dedicou atrav√©s da poesia, muitas reunidas no livro O asno √≠ris, e da pr√°tica te√≥rica, que condensou no livro Investiga√ß√Ķes Cinematogr√°ficas. Artigos e ensaios escritos para diversas publica√ß√Ķes - jornais, revistas e livros - divulgaram em mais ampla escala a reflex√£o do artista, revelando nele um pensador sens√≠vel e agudo das quest√Ķes culturais no Brasil. Livro bil√≠ngue ingl√™s e portugu√™s. formato 24 x 28 cm. brochura. loja 3, estante 2, corredor, gaveta 2

ISBN: 20021208


Código de Barras: 20812002


Origem: Nacional


Idioma: Português


Categoria: Livros


Autor: Arthur Omar


Título: O Esplendor dos Contrários - Aventuras da cor caminhando sobre as águas do rio Amazonas. The splendor of opposites


Editora: Cosac & Naify


Edição: 1ª Edição


Ano: 2002


Assunto: Artes


P√°ginas: 208


Peso: 900 gramas


Conservação: Produto Usado



Descrição

Neste trabalho sobre a Amaz√īnia e o homem amaz√īnico, Arthur Omar procura extrair o sentidos escondidos sob a apar√™ncia das imagens fotogr√°ficas. Em ‚ÄúO Esplendor dos Contr√°rios‚ÄĚ, Omar transforma as cores e espelha as imagens, nos mostrando a Amaz√īnia como um lugar m√≠tico e magn√©tico, transformada pelos opostos. ‚ÄúNada pode parar o fluxo de imagens, palavras, sons e ideias contidos numa obra de Arthur Omar‚ÄĚ ‚ÄĒ Paulo Herkenhoff Arthur Omar inicia sua trajet√≥ria art√≠stica na d√©cada de 1970, atuando como diretor de cinema. Posteriormente, trabalha tamb√©m com v√≠deo, fotografia e escreve ensaios est√©ticos e po√©ticos. Na s√©rie de fotografias intitulada Antropologia da Face Gloriosa (1973-1998), realizada em preto e branco, registra pessoas an√īnimas, participantes do carnaval no Rio de Janeiro, procurando captar as express√Ķes de desvario, alegria ou tristeza em seus rostos. A partir dessas fotos, interfere na revela√ß√£o, acrescentando cores ou trilhas luminosas, como na s√©rie A Pele Mec√Ęnica (2003), em que explora ainda a serialidade da Arte Pop. Artista de extirpe davinciana, que filma, fotografa, desenha e comp√Ķe m√ļsica praticamente sozinho, Arthur Omar resiste bravamente √†s tentativas de categorizar o seu lugar na cultura brasileira. Rejeita veementemente r√≥tulos como 'cineasta experimental' ou 'artista multim√≠dia', preferindo a classifica√ß√£o de artista amador. O que nele n√£o significa uma atitude de mod√©stia. Carlos Alberto Mattos - Caderno 2 do Estado de S√£o Paulo de 5/11/97. Na polimorfia da produ√ß√£o de Arthur Omar, destaca-se ainda a literatura, campo a que se dedicou atrav√©s da poesia, muitas reunidas no livro O asno √≠ris, e da pr√°tica te√≥rica, que condensou no livro Investiga√ß√Ķes Cinematogr√°ficas. Artigos e ensaios escritos para diversas publica√ß√Ķes - jornais, revistas e livros - divulgaram em mais ampla escala a reflex√£o do artista, revelando nele um pensador sens√≠vel e agudo das quest√Ķes culturais no Brasil. Livro bil√≠ngue ingl√™s e portugu√™s. formato 24 x 28 cm. brochura. loja 3, estante 2, corredor, gaveta 2

1 Disponível em estoque

R$ 213,00
Frete Gr√°tis
De 5 a 7 dias em média
Selo de garantia Megaleitores

A Garantia Megaleitores é certeza de que você receberá a sua encomenda ou seu dinheiro de volta!

SP - S√£o Paulo

Frete Gr√°tis

Milhares Títulos com Entrega Gratuita Para Todo o Brasil.

Pagamento Seguro

Processados por Wirecard, Paypal Adotam Os Mais Rigorosos Padr√Ķes de Seguran√ßa.

Especializado

10 Anos de Atuação como Livraria e Sebo Oferecendo o Melhor a seus clientes.