Livro O Anti-Semitismo na Era Vargas - Maria Luiza Tucci Carneiro

1 Disponível em estoque

formato x cm . brochura. livro usado em bom estado de conservação com as páginas amareladas devido ação do tempo leves desgastes nas bordas... No Brasil do Estado Novo, o anti-semitismo político grassou entre 1937 e 1945, objetivando-se em diferentes manifestações de caráter discriminatório, sobre as quais O Anti-Semitismo na Era Vargas, que a Editora Perspectiva publica na coleção Estudos, de Maria Luiza Tucci Carneiro, recorrendo a fontes inéditas - diplomáticas, iconográficas e literárias - lança uma luz nova, com o propósito de recuperar a memória e contribuir para a avaliação histórica desse período polêmico por sua dubiedade e atos de intolerância contra negros, ciganos, japoneses e judeus, em especial. Trata-se de leitura indispensável para se formar um quadro real do projeto étnico-político idealizado pelos dirigentes no Brasil do Estado Novo entre 1937 e 1945.

ISBN: 8511130837


Código de Barras: 19881590


Origem: Nacional


Idioma: Português


Categoria: Livros


Autor:Maria Luiza Tucci Carneiro


Título: O Anti-Semitismo na Era Vargas


Editora:Brasiliense


Edição: 1ª Edição


Ano: 1988


Assunto:Historia do brasil


Páginas: 590


Peso: 900 gramas


Conservação: Produto Usado



Descrição

formato x cm . brochura. livro usado em bom estado de conservação com as páginas amareladas devido ação do tempo leves desgastes nas bordas... No Brasil do Estado Novo, o anti-semitismo político grassou entre 1937 e 1945, objetivando-se em diferentes manifestações de caráter discriminatório, sobre as quais O Anti-Semitismo na Era Vargas, que a Editora Perspectiva publica na coleção Estudos, de Maria Luiza Tucci Carneiro, recorrendo a fontes inéditas - diplomáticas, iconográficas e literárias - lança uma luz nova, com o propósito de recuperar a memória e contribuir para a avaliação histórica desse período polêmico por sua dubiedade e atos de intolerância contra negros, ciganos, japoneses e judeus, em especial. Trata-se de leitura indispensável para se formar um quadro real do projeto étnico-político idealizado pelos dirigentes no Brasil do Estado Novo entre 1937 e 1945.