Livro Xamã - A História de um Médico no Século XX - Noah gordon

1 Disponível em estoque

formato 16 x 28 cm . brochura. livro usado em bom estado de conservação com as páginas amareladas devido ação do tempo leves desgastes nas bordas. Mais uma vez, Noah Gordon incursiona pelo difícil campo da história da medicina. Estamos no século XIX, nos EUA, em pleno novo continente atravessado por lutas causadas pela mistura de raças. É tempo de perseguições sociais, destruição de populações indígenas e escravidão. É nesse cenário que desembarca o jovem escocês Cole, herdeiro de uma tradição que remonta à Idade Média, e que o faz perceber a iminência da morte. É aí, também, que ele entra em contato direto com os índios Sauks e Mesquakies, ao se instalar na fronteira do Illinois. Auxiliado pela mulher, chamada Makwa-ikwa, ele aprende técnicas milenares, que associa a seu conhecimento ocidental. Apaixonado pela ex-amante de um bandido, ele adota o filho dela e se torna pai de Xamã, o menino surdo. É através de Xamã que o leitor conhecerá as agruras da superação da deficiência, impulsionada por uma força de caráter inabalável, assim como o ensino das universidades de medicina então existentes e os primeiros hospitais.

ISBN: 853250406


Código de Barras: 9788532504067


Origem: Nacional


Idioma: Português


Categoria: Livros


Autor:Noah gordon


Título: Xamã - A História de um Médico no Século XX


Editora:Rocco


Edição: 9ª Edição


Ano: 2000


Assunto:Literatura Estrangeira


Páginas: 484


Peso: 900 gramas


Conservação: Produto Usado



Descrição

formato 16 x 28 cm . brochura. livro usado em bom estado de conservação com as páginas amareladas devido ação do tempo leves desgastes nas bordas. Mais uma vez, Noah Gordon incursiona pelo difícil campo da história da medicina. Estamos no século XIX, nos EUA, em pleno novo continente atravessado por lutas causadas pela mistura de raças. É tempo de perseguições sociais, destruição de populações indígenas e escravidão. É nesse cenário que desembarca o jovem escocês Cole, herdeiro de uma tradição que remonta à Idade Média, e que o faz perceber a iminência da morte. É aí, também, que ele entra em contato direto com os índios Sauks e Mesquakies, ao se instalar na fronteira do Illinois. Auxiliado pela mulher, chamada Makwa-ikwa, ele aprende técnicas milenares, que associa a seu conhecimento ocidental. Apaixonado pela ex-amante de um bandido, ele adota o filho dela e se torna pai de Xamã, o menino surdo. É através de Xamã que o leitor conhecerá as agruras da superação da deficiência, impulsionada por uma força de caráter inabalável, assim como o ensino das universidades de medicina então existentes e os primeiros hospitais.