Livro Dance - Haruki Murakami

Dance

formato 14 x 21 cm . brochura. Inserindo-se no contexto muito em voga do “pense globalmente, escreva localmente”, em Dance Dance Dance Haruki Murakami segue a trajetória do protagonista de Caçando carneiros, agora à procura de um antigo amor que sumira misteriosamente do hotel miserável em que viviam, o Hotel do Golfinho. Na busca por Kiki, o personagem-narrador, um escritor free-lance de revistas, perde-se cada vez mais num universo de realismo fantástico, "kafkiano", envolvendo-se com uma garota clarividente, um astro de cinema extravagante, um poeta maneta, garotas de programa e outros personagens do gênero. Ambientado em Tóquio, o romance aborda temas como a solidão, o amor e a efemeridade da vida e retrata uma sociedade em constante transformação, altamente consumista e regida por valores como fama, dinheiro e poder. Ao som de músicas dos anos 60, 70 e 80, o narrador e seus amigos vivem num mundo de carros importados e Dunkin Donut’s, e acabam se envolvendo em um caso de assassinato. Um das características da obra de Murakami é justamente a utilização de referenciais da música, do cinema, das artes e do entretenimento para expressar sua visão das sociedades capitalistas altamente desenvolvidas, como a japonesa e a americana, da cultura de massa e do comportamento maniqueísta gerado por este sistema. O autor se utiliza de recursos lingüísticos e estilísticos, faz um jogo textual (a escrita japonesa possui quatro sistemas diferentes de grafia – o ideograma, o fonograma hiragana, o Katakana e o alfabeto romano – e Murakami alterna esses sistemas no decorrer do texto) para expressar onomatopéias e palavras estrangeiras, citando, em um jogo cheio de ironia, desde inúmeras referências a marcas famosas de vestuário e grandes cadeias alimentícias globalizadas até o zodíaco e a astrologia orientais, tudo para demonstrar a que ponto chega a dependência, a massificação e a objetificação do sujeito moderno, realçando ao mesmo tempo as mudanças que ocorrem na sociedade japonesa. Há também o recurso ao subtexto, frases destacadas em estilos de fonte diferentes ao longo dos capítulos que, se lidas seqüencialmente, formam um roteiro do livro, causando-nos uma estranha sensação de déjà vu, na medida em que este parece antecipar os acontecimentos, demonstrando que o narrador de uma forma ou outra já sabe, ou pelo menos intui, o rumo dos acontecimentos. E nós, com ele. Loja 3 Estante 18 Gaveta 4

ISBN: 8574481068


Código de Barras: 9788574481067


Origem: Nacional


Idioma: Português


Categoria: Livros


Autor: Haruki Murakami


Título: Dance


Editora: Estacao Liberdade


Edição: 1ª Edição


Ano: 2005


Assunto: Literatura Estrangeira


Páginas: 502


Peso: 900 gramas


Conservação: Produto Usado



Descrição

formato 14 x 21 cm . brochura. Inserindo-se no contexto muito em voga do “pense globalmente, escreva localmente”, em Dance Dance Dance Haruki Murakami segue a trajetória do protagonista de Caçando carneiros, agora à procura de um antigo amor que sumira misteriosamente do hotel miserável em que viviam, o Hotel do Golfinho. Na busca por Kiki, o personagem-narrador, um escritor free-lance de revistas, perde-se cada vez mais num universo de realismo fantástico, "kafkiano", envolvendo-se com uma garota clarividente, um astro de cinema extravagante, um poeta maneta, garotas de programa e outros personagens do gênero. Ambientado em Tóquio, o romance aborda temas como a solidão, o amor e a efemeridade da vida e retrata uma sociedade em constante transformação, altamente consumista e regida por valores como fama, dinheiro e poder. Ao som de músicas dos anos 60, 70 e 80, o narrador e seus amigos vivem num mundo de carros importados e Dunkin Donut’s, e acabam se envolvendo em um caso de assassinato. Um das características da obra de Murakami é justamente a utilização de referenciais da música, do cinema, das artes e do entretenimento para expressar sua visão das sociedades capitalistas altamente desenvolvidas, como a japonesa e a americana, da cultura de massa e do comportamento maniqueísta gerado por este sistema. O autor se utiliza de recursos lingüísticos e estilísticos, faz um jogo textual (a escrita japonesa possui quatro sistemas diferentes de grafia – o ideograma, o fonograma hiragana, o Katakana e o alfabeto romano – e Murakami alterna esses sistemas no decorrer do texto) para expressar onomatopéias e palavras estrangeiras, citando, em um jogo cheio de ironia, desde inúmeras referências a marcas famosas de vestuário e grandes cadeias alimentícias globalizadas até o zodíaco e a astrologia orientais, tudo para demonstrar a que ponto chega a dependência, a massificação e a objetificação do sujeito moderno, realçando ao mesmo tempo as mudanças que ocorrem na sociedade japonesa. Há também o recurso ao subtexto, frases destacadas em estilos de fonte diferentes ao longo dos capítulos que, se lidas seqüencialmente, formam um roteiro do livro, causando-nos uma estranha sensação de déjà vu, na medida em que este parece antecipar os acontecimentos, demonstrando que o narrador de uma forma ou outra já sabe, ou pelo menos intui, o rumo dos acontecimentos. E nós, com ele. Loja 3 Estante 18 Gaveta 4

1 Disponível em estoque

R$ 43,11
Frete Grátis
De 5 a 7 dias em média
Selo de garantia Megaleitores

A Garantia Megaleitores é certeza de que você receberá a sua encomenda ou seu dinheiro de volta!

SP - São Paulo

Frete Grátis

Milhares Títulos com Entrega Gratuita Para Todo o Brasil.

Pagamento Seguro

Processados por Wirecard, Paypal Adotam Os Mais Rigorosos Padrões de Segurança.

Especializado

10 Anos de Atuação como Livraria e Sebo Oferecendo o Melhor a seus clientes.