Livro Teoria Simplificada da Posse - Rudolf von Ihering

5 Disponível em estoque

formato 11 x 17 cm . brochura. livro usado em bom estado de conservação com as páginas amareladas devido ação do tempo leves desgastes nas bordas... O filósofo e romancista alemão, Rudolf Von Ihering, é responsável pela Teoria Obejtiva de Posse adotada pelo código civil brasileiro de 2002. Teoria Objetiva da Posse costuma ser tema de debates e teses em comparação com a Teoria Subjetiva de Savigny. A Teoria Subjetiva de Savigny, que consiste em enxergar o objeto de posse através do corpus, o objeto físico em si e a disposição para o uso, e o animus, que consiste na intenção da pessoa em exercer sobre a coisa em si o direito de propriedade (animus domini). É justamente desse desejo subjetivo, animus, que dá a sua teoria o termo Teoria Subjetiva, pois o animus que consiste na intenção e na vontade do proprietário exercer sobre o objeto o direito como proprietário. Para a teoria de Savigny, a pessoa é considerada possuidora, quando reunir os dois elementos da posse: corpus e animus.

ISBN: 8589919250


Código de Barras: 9788589919258


Origem: Nacional


Idioma: Português


Categoria: Livros


Autor:Rudolf von Ihering


Título: Teoria Simplificada da Posse


Editora:Pillares


Edição: 1ª Edição


Ano: 2005


Assunto:Direito


Páginas: 96


Peso: 900 gramas


Conservação: Produto Usado



Descrição

formato 11 x 17 cm . brochura. livro usado em bom estado de conservação com as páginas amareladas devido ação do tempo leves desgastes nas bordas... O filósofo e romancista alemão, Rudolf Von Ihering, é responsável pela Teoria Obejtiva de Posse adotada pelo código civil brasileiro de 2002. Teoria Objetiva da Posse costuma ser tema de debates e teses em comparação com a Teoria Subjetiva de Savigny. A Teoria Subjetiva de Savigny, que consiste em enxergar o objeto de posse através do corpus, o objeto físico em si e a disposição para o uso, e o animus, que consiste na intenção da pessoa em exercer sobre a coisa em si o direito de propriedade (animus domini). É justamente desse desejo subjetivo, animus, que dá a sua teoria o termo Teoria Subjetiva, pois o animus que consiste na intenção e na vontade do proprietário exercer sobre o objeto o direito como proprietário. Para a teoria de Savigny, a pessoa é considerada possuidora, quando reunir os dois elementos da posse: corpus e animus.