Livro 11 de setembro - Noam chomsky

1 Disponível em estoque

formato 14 x 21 cm . brochura. livro usado em bom estado de conservação com as páginas amareladas devido ação do tempo leves desgastes nas bordas... Esta obra reproduz uma série de entrevistas feitas com Noam Chomsky por diversos jornalistas no período de um mês que se seguiu aos atentados de 11 de stembro de 2001 ao Word Trade Center e ao Pentágono. Grande parte das entrevistas foi conduzida por e-mail, e muitas com jornalistas estrangeiros que falavam e escreviam o inglês como seu segundo idioma. Embora algumas das entrevistas tenham sido realizadas logo nos oito dias que se seguiram aos atentados, os textos foram reeditados, aumentados e revistos, sempre considerando as informações que iam sendo divulgadas, até o livro ser liberado para impressão, em 15 de outubro. Assim, algumas entrevistas datadas de setembro podem conter referências a episódios ocorridos em outubro. Além disso, no processo de edução do texto, alguns trechos, que repetiam perguntasou respostas, já incluídas em outras entrevistas, foram cortados, embora, vez por outra, a menção repetida a um determinado fato tenha sido mantida, intencionalmente, como ênfase.

ISBN: 9788528608618


Código de Barras: 9788528608618


Origem: Nacional


Idioma: Português


Categoria: Livros


Autor:Noam chomsky


Título: 11 de setembro


Editora:Bertrand Brasil


Edição: 6ª Edição


Ano: 2002


Assunto:Historia Geral


Páginas: 160


Peso: 900 gramas


Conservação: Produto Usado



Descrição

formato 14 x 21 cm . brochura. livro usado em bom estado de conservação com as páginas amareladas devido ação do tempo leves desgastes nas bordas... Esta obra reproduz uma série de entrevistas feitas com Noam Chomsky por diversos jornalistas no período de um mês que se seguiu aos atentados de 11 de stembro de 2001 ao Word Trade Center e ao Pentágono. Grande parte das entrevistas foi conduzida por e-mail, e muitas com jornalistas estrangeiros que falavam e escreviam o inglês como seu segundo idioma. Embora algumas das entrevistas tenham sido realizadas logo nos oito dias que se seguiram aos atentados, os textos foram reeditados, aumentados e revistos, sempre considerando as informações que iam sendo divulgadas, até o livro ser liberado para impressão, em 15 de outubro. Assim, algumas entrevistas datadas de setembro podem conter referências a episódios ocorridos em outubro. Além disso, no processo de edução do texto, alguns trechos, que repetiam perguntasou respostas, já incluídas em outras entrevistas, foram cortados, embora, vez por outra, a menção repetida a um determinado fato tenha sido mantida, intencionalmente, como ênfase.