Livro FLOR DO CERRADO - Ana Miranda

FLOR DO CERRADO

formato 20, 70 x 20, 70 cm . brochura. Flor do cerrado: Brasília é a estréia de Ana Miranda na literatura infanto-juvenil. Depois de publicar, pela Companhia das Letras, seis romances, uma novela e um volume de contos, ela se volta para as lembranças de sua infância e narra a inesquecível construção de uma nova capital para o país, em meados dos anos 50. Na inauguração, a autora tinha oito anos. Sua relação com Brasília é bastante especial: o pai dela, engenheiro, participou da construção da cidade, erguida em tempo recorde pelo presidente Juscelino Kubitschek. Antes de narrar essa epopéia, a autora relata a história de sua família e recupera as controvérsias que cercaram a mudança da capital desde a época colonial até a escolha do lugar definitivo. As dificuldades da vida num imenso canteiro de obras, o ritmo vertiginoso com que se abriam ruas e se levantavam prédios, as formas da arquitetura de Oscar Niemeyer e as festividades de inauguração, em 1960, são algumas das passagens que se encontram misturadas às observações de uma garota que assistiu a tudo bem de perto. As ilustrações de Maria Eugênia e o material iconográfico reproduzido no livro - fotos, documentos, até mesmo um "Diploma de Testemunha da Inauguração de Brasília" - reconstituem um grande momento da vida brasileira. Ao final, um apêndice elaborado pela autora traz detalhes das biografias de alguns dos principais personagens desta história. Ilustrador: Maria Eugênia

ISBN: 9788574062167


Código de Barras: 9788574062167


Origem: Nacional


Idioma: Português


Categoria: Livros


Autor: Ana Miranda


Título: FLOR DO CERRADO


Editora: Companhia das Letrinhas


Ano: 2004


Assunto: Infantojuvenil


Páginas: 80


Peso: 900 gramas


Conservação: Produto Usado



Descrição

formato 20, 70 x 20, 70 cm . brochura. Flor do cerrado: Brasília é a estréia de Ana Miranda na literatura infanto-juvenil. Depois de publicar, pela Companhia das Letras, seis romances, uma novela e um volume de contos, ela se volta para as lembranças de sua infância e narra a inesquecível construção de uma nova capital para o país, em meados dos anos 50. Na inauguração, a autora tinha oito anos. Sua relação com Brasília é bastante especial: o pai dela, engenheiro, participou da construção da cidade, erguida em tempo recorde pelo presidente Juscelino Kubitschek. Antes de narrar essa epopéia, a autora relata a história de sua família e recupera as controvérsias que cercaram a mudança da capital desde a época colonial até a escolha do lugar definitivo. As dificuldades da vida num imenso canteiro de obras, o ritmo vertiginoso com que se abriam ruas e se levantavam prédios, as formas da arquitetura de Oscar Niemeyer e as festividades de inauguração, em 1960, são algumas das passagens que se encontram misturadas às observações de uma garota que assistiu a tudo bem de perto. As ilustrações de Maria Eugênia e o material iconográfico reproduzido no livro - fotos, documentos, até mesmo um "Diploma de Testemunha da Inauguração de Brasília" - reconstituem um grande momento da vida brasileira. Ao final, um apêndice elaborado pela autora traz detalhes das biografias de alguns dos principais personagens desta história. Ilustrador: Maria Eugênia

Frete Grátis

Milhares Títulos com Entrega Gratuita Para Todo o Brasil.

Pagamento Seguro

Processados por Wirecard, Paypal Adotam Os Mais Rigorosos Padrões de Segurança.

Especializado

10 Anos de Atuação como Livraria e Sebo Oferecendo o Melhor a seus clientes.

footer js: /home/mega/public_html/application/views/default/books/js.phtml